INÍCIO

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

PAPO DE GATEIRA: Como Fazer o Gato Parar de Morder e Arranhar

Na semana passada, conversei com vocês sobre o porque dos gatos morderem (AQUI), e essa semana, vamos conversar sobre como fazer, e que medidas podemos adotar para fazer com que os gatos parem de morder e arranhar. Vem ver! 

• Conheça os incentivos que podem levar um gato a mudar de comportamento. Gatos respondem bem ao reforço positivo, ou seja, o elogio e a recompensa para o comportamento correto e o desprezo e rejeição para o comportamento inadequado.

• Nunca bata, grite, persiga ou perca a paciência com o gato. Ele pode ficar aterrorizado e se tornar nervoso e confuso. Nunca chame um gato para perto de você e então puna-o. O gato não vai entender porque você o está punindo, uma vez que o fato de ser chamado por uma pessoa é associado a respostas agradáveis, alem de já estar separado do incidente que tenha te irritado.

• Aprenda a antecipar a intenção de morder e arranhar do gato em relação a alvos humanos. Muitos donos de gatos aprendem a ler os sinais de que o gato está prestes a fazer alguma coisa, como morder e arranhar. Se você estiver acariciando-os ou interagindo de alguma forma, fique atento aos sinais, como pupilas dilatadas, pele ondulante ou parar de ronronar. Se o gato está olhando para você com as orelhas pontudas para trás ou se contraindo, você deve parar de brincar e dar ao gato algum espaço. Uma vez que você sentir que um gato está prestes a começar a morder ou arranhar você, há coisas que você pode fazer para cortar este mau comportamento pela raiz, tais como:
- Levá-lo para o arranhador usado especificamente para este fim.
- Dê-lhe um brinquedos de borracha para morder. Elogie quando ele morder o brinquedo.
- Deixe o gato sozinho.

• Evite fazer carinho no seu gato após ele ter mordida e arranhado. Após disciplinar o seu gato, não o afague ou acaricie. Isso com certeza vai confundir o seu gato e dar uma mistura de sentimentos diferentes que pode levar o gato a morder e arranhar sempre que quiser um afago.

• Não afague o abdome de seu gato. Muitos gatos não gostam de ser tocados no abdome - isto os faz sentir-se expostos, sem defesa. Muitos reagirão mordendo. No entanto, você pode tentar acostumar seu gato a ser tocado no abdome, passando algum tempo junto com ele e recompensando-o por bom comportamento.

• Ofereça mais entretenimento ao animal. Compre brinquedos para o gato morder e um arranhador. Gatos precisam morder, mastigar e arranhar para se divertirem. Tente brincar com o gato usando um brinquedo tipo 'vara de pesca', para que suas mãos estejam livres de mordidas.

• Observe e conheça o seu gato. Se o seu gato está balançando a cauda em sinal de alerta, de orelhas em pé, assobiando ou rosnando, não se aproxime dele até que ele se acalme. Muitos gatos, quando estiverem em estado de alerta, vão saltar sobre qualquer coisa que se mover perto deles, como um pé ou uma mão.
Conheça o seu gato, quer ele esteja agressivo ou não. Os gatos demonstram afeto por seus donos, como os cachorros, mas alguns gatos precisam de tempo. Ofereça guloseimas com a mão ao seu gato, e brinque com ele. Se você se preocupa com a possibilidade de ser mordido enquanto estiver brincando com o gato, amarre um pequeno brinquedo para gato em uma corda, e arraste atrás de você. Evite falar num tom de voz muito alto ou fazer barulhos muito altos, e procure mover-se devagar. Se o seu gato se assustar, pode reagir saltando e mordendo.

• Recompense seu gato. Parte do treinamento bem sucedido de um gato envolve uma recompensa. Se o seu gato brinca amavelmente com você, recompense este comportamento. Você pode dar-lhe pequenas guloseimas pelo seu bom comportamento. Você pode fazer isto durante o treinamento do filhote, e durante todo o tempo até a idade adulta.

• Tente não deixar seu gato sozinho por longos períodos de tempo. Os gatos que ficam sozinhos sem estímulos, tornam-se entediados. Muito frequentemente reagirão brincando agressivamente com seus donos. Este comportamento agressivo frequentemente toma a forma de arranhar e morder, e em alguns gatos isto pode machucar. No entanto, alguns gatos são muito jeitosos durante a brincadeira.

• Nunca use os dedos para brincar, especialmente com um filhote. Sim, os filhotes são muito brincalhões e sim, se você balançar os dedos em volta deles eles irão brincar com seus dedos, e isto será muito bonitinho! Mas, deixar seu filhote brincar com seus dedos só ensina os gatos a morder estes dedos mais tarde na vida. Se o seu gato quiser brincar  com você, e você o ensinou a brincar com seus dedos, ele vai morder e arranhar seus dedos. E não será apenas com você; eles brincarão da mesma forma com seus amigos, seus filhos e outras pessoas da família. Ensine seu gato a brincar com brinquedos, em vez de brincar com os dedos das pessoas.

• Diga "NÃO". Normalmente quando vocalizamos a palavra "NÃO" com firmeza, mas sem gritar, o gato entende que fez algo errado. Gatos se comunicam entre si com linguagem corporal e vocalização, e conosco também pode funcionar assim. Ao dizer a palavra "NÃO", aponte o dedo em direção ao gato, vire as costas e se afaste por uns 10 minutos. 
Nos casos de gatos dominantes ou agressivos, dizer "NÃO", e bater palmas pode ajudar a conter o comportamento arredio. Porém, não bata palmas para gatos medrosos ou tímidos. E lembre-se: Nunca bata palmas muito próximo a face do animal. 
No momento em que seu gato parar de morder ou arranhar você deve pegá-lo sem dizer uma palavra e colocá-lo onde quer que o incidente ocorreu. Tente assumir uma linguagem corporal de descontentamento ao fazer isso, mas não o machuque ou o aperte. Você também pode dizer "NÃO" firmemente se achar apropriado.

• Em casos de brigas com outros gatos, ou ataques muito fortes, pode-se usar o spray de água. Quando o gato arranhar ou morder, pulverize a água no pelo ou nas costas, dizendo "NÃO" com firmeza e autoridade. Não grite. Nunca pulverize na face do gato, pois pode ser aterrorizante. Não encharque o seu gato. Deve ser um spray curto e rápido. O spray de água só deve ser usado em casos de agressividade extrema. Se você sabe que o seu gato costuma morder ou arranhar em momentos específicos, mantenha o spray água perto de você naquele momento. Não utilize spray se o gato for muito medroso ou tímido, pode acarretar em traumas.

• Descubra qual pode ser o motivo pelo qual o gato esteja arranhando e mordendo. Saber a causa é essencial para contornar o problema e pode ajudar a identificar o que leva o gato a fazer isso. Este comportamento de morder e arranhar pode ser causado por um ou mais dos seguintes:
- Auto-defesa: morder e arranhar é a melhor forma de defesa de um gato. Se você machucar o seu gato acidentalmente (como sentar em sua cauda), ele pode ter esse comportamento como uma resposta natural. Ele não está fazendo isso para ser mau para com você, ele está apenas dizendo: "Ai, isso dói!" Não bata palmas ou espirre água no gato, basta suavemente, mas com firmeza, dizer "não".
- Agressão: Seu gato está tentando ser o macho alfa da casa. Castre-o, de modo que você possa assumir o papel dominante.
- Stress (barulho, mudanças no ambiente, pessoas irritadas, etc): Seu gato é emotivo e não gosta de mudanças. A melhor resposta é a de restaurar a calma e normalizar a atmosfera. Desligue TV’s ruidosas, acalme as crianças, mantenha as pessoas irritadas longe dos gatos.
- Muita excitação: Gatos são brincalhões, mas às vezes eles ficam muito animados se excedem com mordidas e arranhões. Não ache bonito e mude a atenção do gato para o poste ou o brinquedo.
- Medo quando segurado com força: Se crianças ou outras pessoas judiam do gato, ele vai crescer com medo de ser pego e pode responder com mordida ou arranhão. Supervisione as crianças ao brincarem com o gato e as instrua sobre isso.
- Doença: Às vezes, morder ou arranhar é uma reação do gato que esta se sentindo mal e , por isso, tem medo do toque ou da proximidade. Neste caso, se você suspeitar de doença, leve o seu gato ao veterinário para um check-up imediato.
- Ficando idoso: Um gato mais velho que se tornou frágil com o tempo pode se ressentir de ser pego ou abraçado e pode morder ou arranhar para conseguir um pouco de paz. A família precisa estar atenta a idade do gato e a necessidade de carinhos mais suaves.

• Lembre-se sempre:
- Mordidas de gato pode causar infecções. Procure um médico.
- Se a mordida for totalmente repentina e sem explicação, leve seu gato ao veterinário para um check-up imediato. Pode ser uma condição médica que precisa de tratamento.
- Não ponha outra coisa que não seja água na pistola de água ou garrafa de spray.
- Se o seu gato reage mal a qualquer um dos métodos, mude o método imediatamente.
- Nunca bata no seu gato, pois isso só vai fazê-lo pensar que você é uma pessoa má, o que vai fazer ele querer te evitar ou se tornar agressivo.
- Não deixe as crianças fazerem mal ao gato, como gritar, puxar, bater, usar o frasco de spray desnecessariamente.

E claro, qualquer dúvida em relação à saúde e comportamento do seu animal de estimação, consulte um veterinário. 

Com amor, paciência e carinho, os problemas de comportamento do seu animal de estimação, podem ser resolvidos. Bem estar para você, sua família e para o seu gatinho. 
→ Fontes de pesquisa: Como Fazer Tudo e wikiHow.

4 comentários:

  1. Gente eu estou muito preocupada com o meu gato, ele é um filhote de 2 meses e meio mais ou menos e ele está mordendo todos aqui de casa muito forte! Eu amo muito ele mas ta difícil viu, ele me morde e até sangra! Principalmente no pé e calcanhar e quando a gente vai pegar ele também, ele não larga o pé ou a mão na hora de brincar ou pegá-lo! A única hora que ele fica calminho é depois de dormir que a gente pega ele e ele fica calminho, tirando isso é só mordidas! Eu amo ele demais mas tá osso viu, agora mesmo estou toda arranhada e com furos nos pés :/ o que posso fazer pra "curar" ele disso? Já tentei alguns métodos pesquisados na internet e não deu certo. Será que ele está estressado ou algo do tipo? Será que um arranhador irá ajudae nisso? Me ajudem!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser que ele esteja entediado e descobriu que as mordidas chamam a atenção dos donos. Brinque mais com ele com brinquedinhos, ratinhos, bolinhas, etc e tambem um arranhador...

      Excluir
    2. Mas o mais estranho disso tudo que é ele faz isso desde filhotinho e agora com 8 meses ele continua do mesmo jeito :/ mas vou tentar isso, muito obrigada!!!

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir